O Relatório Global do UNAIDS 2021 “Enfrentando Desigualdades – Aprendizados dos 40 anos de AIDS para respostas a pandemias” lançado hoje, traz evidências de que as pessoas que vivem com HIV são mais vulneráveis à COVID-19, ao mesmo tempo em que indica que as desigualdades cada vez maiores impedem essas pessoas de acessar as vacinas contra a COVID-19 e os serviços de HIV.

Leia Mais

Ame +, Cuide +, Viva + Esta foi a convocação deste ano da maior Parada do Orgulho LGBTIQIA+ do mundo, organizada na cidade de São Paulo. A Parada convidou a comunidade LGBTQIA+ e a sociedade a repensar a história de nossa própria comunidade e a necessidade urgente de acabar com o estigma e a discriminação relacionados ao HIV.

Leia Mais

O Grupo Temático Ampliado das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (GT UNAIDS) realizou em 7 de julho sua primeira reunião desde o início da pandemia de COVID-19. O encontro aconteceu de forma virtual e reuniu cerca de 45 pessoas, entre representantes de governo, embaixadas, agências, fundos e programas da ONU e organizações da sociedade civil que atuam com HIV/AIDS. O tema central de discussão foi “Medidas de proteção social para populações em situação de maior vulnerabilidade aos agravos de saúde.”

Leia Mais

Desde 2010, a Organização Internacional do Trabalho (OIT), através de sua Conferência Geral, estabeleceu a Recomendação 200 (R200) para intensificar seus esforços em alcançar a justiça social e eliminar a discriminação e a estigmatização ligadas às pessoas que vivem com HIV/AIDS, adotando programas e políticas nacionais no âmbito profissional.

Leia Mais

A educação sexual abrangente baseada na escola desempenha um papel fundamental na promoção da saúde e do bem-estar de crianças e adolescentes, tanto agora quanto no futuro. Ela melhora os resultados em saúde sexual e reprodutiva, inclusive para infecções sexualmente transmissíveis (IST) e HIV, promove ambientes de aprendizagem seguros e equitativos de gênero e melhora o acesso à educação.

Leia Mais

A família do UNAIDS está profundamente entristecida com a morte por COVID-19 do nosso querido colega e amigo Manuel de Quinta. Apresentamos as nossas mais profundas condolências ao seu marido Ricardo, sua família, amigos e amigas em geral.

Leia Mais

O HIV é alimentado pelas desigualdades. O painel “Abordando as Desigualdades para Acabar com a AIDS: 10 Anos para 2030”, realizado em paralelo à Reunião de Alto Nível das Nações Unidas sobre AIDS em 9 de junho, reuniu diferentes lideranças que misturaram a paixão pelo ativismo e experiência de base, sabedoria acadêmica, orientação estratégica baseada em evidências e experiência dos Estados Membros das Nações Unidas e do UNAIDS para discutir esta questão urgente.

Leia Mais

Desigualdades e barreiras de direitos humanos, que foram reforçadas e aprofundadas pela pandemia da COVID-19, estão impedindo o progresso para acabar com a AIDS como uma ameaça à saúde pública global até 2030. As desigualdades e barreiras facilitam a transmissão do HIV, aumentando a vulnerabilidade ao HIV e limitando o acesso aos serviços de saúde, particularmente para gays e outros homens que fazem sexo com homens, pessoas trans, pessoas que usam drogas, profissionais do sexo, mulheres e meninas.

Leia Mais

Vossas Excelências, Distintos Delegados, Colegas, Amigos, Amigas.

Obrigada, Presidente da Assembleia Geral Bozkir, Cofacilitadores Embaixador Gertze, da Namíbia, e Embaixador Fifield, da Austrália, e todos os Estados-membros. De forma conjunta redigiram, negociaram e entregaram esta Declaração Política, que será a base do nosso trabalho para acabar com esta pandemia que tem devastado comunidades durante 40 anos.

Leia Mais

Os Estados-membros das Nações Unidas adotaram um conjunto de metas novas e ambiciosas como parte da Declaração Política aprovada na Reunião de Alto Nível da Assembleia Geral das Nações Unidas sobre AIDS, realizada entre 8 e 10 de junho em Nova York. Se a comunidade internacional atingir as metas, 3,6 milhões de novas infecções por HIV e 1,7 milhão de mortes relacionadas à AIDS serão evitadas até 2030.

Leia Mais