A transmissão vertical do HIV (quando o bebê pode se infectar durante a gestação, parto ou amamentação) ainda é um desafio de saúde pública para diversos países. Em 2018, cerca de 160 mil crianças de até 14 anos adquiriram o HIV globalmente, de acordo com o relatório global do UNAIDS de 2019—Communities at the, Leia Mais

Uma equipe de técnicos, especialistas e gestores do Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis (DCCI) do Ministério da Saúde, da Organização Pan-americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) e do Programa Cojunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) estiveram, nesta segunda-feira (10/6), em Porto Alegre (RS) para visitar serviços de, Leia Mais

As mulheres vivem mais do que os homens no mundo, principalmente em países ricos. O relatório anual World Health Statistics 2019 – desagregado por sexo pela primeira vez – explica por quê. “Dividir os dados por idade, sexo e grupo de renda é vital para entender quem está sendo deixado para trás e por, Leia Mais

Um novo relatório da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e do UNAIDS destaca que expandir o acesso a todas as opções disponíveis de prevenção ao HIV pode reduzir o número de novas infecções pelo vírus na América Latina e no Caribe, que se mantêm em 120 mil por ano desde 2010.

Todos os anos, estima-se que 2.100 crianças na América Latina e no Caribe nascem com o HIV ou contraem o vírus de suas mães; 22.400 são infectados com sífilis; cerca de 9.000 nascem com a doença de Chagas; e 6.000 contraem o vírus da hepatite B. Se não forem detectados e tratados a tempo,, Leia Mais

A Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) vai fortalecer o apoio ao Brasil no combate à sífilis. Foi assinada nesta quinta-feira (20/10), durante a Reunião Ordinária da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), uma carta de compromisso estabelecendo ações estratégicas para redução da sífilis congênita no país com prazo previsto de um ano.

UNAIDS saúda o lançamento pela Organização Mundial de Saúde (OMS) de novas diretrizes sobre o uso de medicamentos antirretrovirais como um passo significativo para melhorar a vida das pessoas que vivem com HIV e reduzir a transmissão do vírus. 

O número de bebês nascidos com o vírus do HIV na América Latina e Caribe caiu 78% entre 2001 e 2013. Os dados são de um relatório recente com dados da Organização Pan-Americana de Saúde/Organização Mundial de Saúde (OPAS/OMS) do Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF) e do Programa Conjunto das Nações Unidas, Leia Mais