Diretoria Executiva e Regional

Diretoria Executiva

Winnie Byanyima, Diretora Executiva do UNAIDS

Winnie Byanyima atua como diretora executiva do UNAIDS e subsecretária-geral das Nações Unidas e assumiu. O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, nomeou a Sra. Byanyima como diretora executiva do UNAIDS e subsecretária-geral das Nações Unidas no dia 14 de agosto.

Byanyima tem mais de 30 anos de experiência em liderança política, diplomacia e envolvimento humanitário e traz uma bagagem rica em experiência e comprometimento com a mobilização dos poderes reunidos por governos, agências multilaterais, setor privado e sociedade civil a fim de acabar com a crise de HIV e AIDS entre comunidades em todo o mundo. Byanyima trabalha como diretora executiva da Oxfam International desde 2013. Antes da Oxfam, atuou por sete anos como diretora de Gênero e Desenvolvimento no Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Ela começou sua carreira como defensora de comunidades marginalizadas e mulheres, há 30 anos, como membro do parlamento na Assembleia Nacional de Uganda. Em 2004, tornou-se diretora de Mulheres e Desenvolvimento da Comissão da União Africana, trabalhando no Protocolo sobre os Direitos das Mulheres na África, um instrumento internacional de direitos humanos que se tornou uma ferramenta importante para reduzir o efeito desproporcional do HIV sobre a vida das mulheres africanas.

Ela possui graduação avançada em Engenharia Mecânica (Conservação de Energia e Meio Ambiente) pelo Cranfield Institute of Technology e graduação em Engenharia Aeronáutica pela Universidade de Manchester.

Byanyima assumiu suas funções como diretora executiva do UNAIDS em 1º de novembro de 2019.

Saiba mais sobre o UNAIDS aqui.

Shannon Hader, Vice-Diretora Executiva do UNAIDS para Programa

Shannon Hader começou a trabalhar no UNAIDS em março de 2019 como vice-diretora executiva para Programa e secretária-geral assistente das Nações Unidas. Ela lidera os esforços do UNAIDS na promoção de uma resposta integrada e ampliada do sistema das Nações Unidas ao HIV nos níveis nacional, regional e global, fornecendo orientação estratégica, advocacy, coordenação e suporte técnico necessários para catalisar e conectar lideranças de governos e comunidades para entregar serviços de HIV capazes de salvar vidas.

Médica de saúde pública, sua carreira abrange os espectros de pesquisa, programas e políticas. Dra. Hader é formada em ciências biológicas pela Universidade de Stanford e médica e mestre em saúde pública pela Universidade de Columbia. Ela é certificada em Medicina Interna, Pediatria e Doenças Infecciosas.

Em 2014, Dra. Hader foi nomeada Diretora da Divisão de HIV e Tuberculose Global dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), fornecendo liderança técnica, financiamento, avaliação e apoio a programas para ajudar a alcançar uma geração livre da AIDS em todo o mundo.

Antes dessa posição, Dra. Hader atuou como Vice-presidente e Diretora do Centro de Sistemas e Soluções de Saúde do Grupo Futures (agora Pallidum). Ela também ocupou o cargo de Diretora Adjunta Sênior de Administração em HIV/AIDS, Hepatite, DST e TB, no Distrito de Columbia, nos Estados Unidos, entre 2007 e 2010. Também atuou como Diretora do CDC-Zimbábue de 2003 a 2006.

Dra. Hader traz para o UNAIDS mais de 20 anos de experiência internacional em saúde global, desde a resposta ao HIV e outras infecções até o fortalecimento dos sistemas de saúde. Ela atuou em importantes funções de liderança em saúde, enfatizando responsabilização, escala e impacto para respostas sustentáveis.

Saiba mais sobre o UNAIDS aqui.

Diretoria Regional

Alejandra Corao, Diretora a.i. do Escritório Regional para América Latina do UNAIDS

Alejandra Corao uma médica com pós-graduação em pediatria e especialização em medicina adolescente. Começou a sua carreira nas Nações Unidas em 2003 como Assessora de Saúde Sexual e Reprodutiva no Escritório Nacional do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) na Venezuela, onde coordenou e geriu o programa de Saúde Sexual e Reprodutiva, trabalhando ativamente com governos a nível nacional e local, sociedade civil – incluindo os e as jovens -, academia e sector privado.

Em 2012, assumiu o cargo de Diretora de país do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS) na Venezuela, liderando a coordenação da resposta interagencial e nacional ao HIV. Desde 2015, o Dra. Corao juntou-se à Equipe de Apoio Regional para a América Latina e Caribe, com sede no Panamá, como Assessora Senior de Programas Regionais. Nos últimos seis anos, tem dedicado o seu trabalho a traduzir a visão e os objetivos globais do UNAIDS em programas relevantes, adaptados aos contextos regionais diversos e complexos e que permitam uma resposta eficaz à AIDS a nível nacional, com o envolvimento de comunidades de pessoas que vivem com e são afetadas pelo HIV.

A Dr. Corao tem participado ativamente no processo de reforma das Nações Unidas a nível nacional e regional, propondo e promovendo a integração de programas inovadores de prevenção, otimização do tratamento e eliminação do estigma e da discriminação na agenda universal de cobertura da saúde. É considerada uma defensora dos direitos humanos e da igualdade e equidade de gênero, e ao longo da sua carreira tem trabalhado para colocar as comunidades e as pessoas que vivem com HIV no centro da resposta à AIDS. Defendeu os compromissos adotados na Declaração Política de 2016, e a visão do UNAIDS de zero nova infecção por HIV, zero discriminação e zero morte relacionada com a AIDS em todos os espaços regionais, a nível interagencial, com a sociedade civil e com os governos. Os seus 18 anos de trajetória expressam o seu compromisso de apoiar respostas globais, regionais e nacionais ao HIV para acabar com a AIDS como uma ameaça à saúde pública, não deixando ninguém para trás, como parte da Agenda para o Desenvolvimento Sustentável de 2030.

Saiba mais sobre as ações do Escritório Regional para América Latina do UNAIDS aqui.