O uso de drogas é mais comum entre os homens, com as mulheres respondendo por apenas uma em cada três pessoas que usam drogas e uma em cada cinco pessoas que usam drogas injetáveis. No entanto, as mulheres que usam drogas enfrentam riscos específicos à saúde.

Globalmente, foram alcançados diversos avanços rumo ao cumprimento das metas 90–90–90, nas quais os Estados-membros das Nações Unidas se comprometeram a garantir que, até 2020, 90% das pessoas vivendo com HIV estejam  diagnosticadas; que destas, 90% estejam em tratamento; e que 90% destas pessoas tenham carga viral indetectável.

A queda contínua do número de infecções por HIV entre crianças é uma enorme vitória de saúde pública. No mundo, 1,6 milhão de novas infecções infantis foram evitadas entre 2008 e 2017, uma conquista que decorre do aumento acentuado da proporção de mulheres vivendo com HIV recebendo medicamentos antirretroviais para prevenir a transmissão do, Leia Mais

As taxas de utilização e outras despesas não reembolsáveis,  definidas como pagamentos diretos efetuados por pessoas a prestadores de serviços de saúde no momento da utilização do serviço,  são os maiores obstáculos para as pessoas que fazem o teste de HIV, para as pessoas que vivem com o HIV e estão recebendo tratamento e para pessoas vivendo com HIV retidas nos serviços de tratamento, Leia Mais

O uso de preservativos, se acessível e de forma consistente e correta, é um dos métodos mais eficazes e baratos disponíveis para impedir a transmissão sexual do HIV, de outras infecções sexualmente transmissíveis e para evitar a gravidez não planejada. Apesar disso, os preservativos ainda não estão suficientemente disponíveis para as pessoas que necessitam, Leia Mais

A educação integral em sexualidade desempenha um papel central na preparação de adolescentes e jovens para uma vida segura, produtiva e satisfatória, e é um componente importante de um conjunto de prevenção do HIV para jovens. A educação em sexualidade proporciona oportunidades para aprender e adquirir conhecimentos abrangentes, precisos, baseados em evidências e aproriada, Leia Mais

Embora muitas vezes a intenção da legislação sobre idade de consentimento para acesso aos serviços de saúde seja proteger as crianças, na prática estas leis podem fazer o oposto, desencorajando o acesso de adolescentes aos serviços que necessitam para permanecer saudáveis.

As cidades desempenham um papel essencial na epidemia e na resposta ao HIV. Atualmente, mais da metade da população mundial vive em cidades e, na maioria dos países, elas representam uma proporção alta e crescente das cargas nacionais de HIV.

Em 2017, aproximadamente 47% das novas infecções por HIV no mundo estavam entre as populações-chave e seus parceiros sexuais.

Quanto antes um bebê que nasce com HIV é diagnosticado e começa o tratamento, melhor é o resultado.