O UNAIDS está motivado pelos resultados de novos estudos que mostram que o medicamento antirretroviral cabotegravir, que é administrado por injeção a cada dois meses, previne o HIV entre as mulheres. O estudo mostra que as injeções de ação prolongada entre mulheres na África Subsaariana foram 89% mais eficientes na prevenção do HIV em, Leia Mais