Uma a cada três mulheres sofre violência de gênero

Michel Sidibé
Diretor Executivo do UNAIDS
Subsecretário-Geral das Nações Unidas

À medida que nos unimos contra a violência de gênero, eu dedico essa mensagem a todas as mulheres e crianças que sofreram algum tipo de violência.
Uma a cada três mulheres sofre algum tipo de violência de gênero durante sua vida – e aproximadamente 120 milhões de mulheres são agredidas sexualmente ou violentadas antes de chegarem aos 20 anos.

A violência muitas vezes ocorre próxima da total impunidade, escondida atrás de valores considerados culturais. A relação entre violência e HIV é inegável.

Para mulheres vivendo com HIV, a violência em forma de uma esterilização forçada é uma violação dos direitos humanos fundamentais.

Eu elogio a decisão do Supremo Tribunal da Namíbia, que acolheu o veredito de que os direitos de três mulheres vivendo com HIV foram violados quando foram forçadas a esterilização.

Não podemos nunca nos calar. Não podemos nunca ser neutros. Não podemos nunca tolerar a violência contra mulheres e meninas.

Para acabar com a epidemia da AIDS até 2030, precisamos eliminar todas as formas de violência contra a mulher.

Contato
UNAIDS Geneva | Sophie Barton-Knott | tel. +41 22 791 1697 | bartonknotts@unaids.org
UNAIDS Brasil | Daniel de Castro | tel. +55 61 3038 9221 | decastrod@unaids.org

Leia também: