Pipoca da Prevenção distribui mais de 120 mil preservativos no Carnaval de Salvador

Pelo segundo ano consecutivo, o carnaval de Salvador contou as ações da Pipoca da Prevenção, uma iniciativa realizada pelo GAPA Bahia (Grupo de Apoio à Prevenção à AIDS), com apoio do UNAIDS Brasil e da Secretaria de Saúde de Salvador. Sessenta voluntários capacitados para esta ação distribuíram mais de 120 mil preservativos em pontos estratégicos da capital baiana orientando também os foliões sobre a importância da prevenção do HIV e outras IST (infecções sexualmente transmissíveis). Além disso, os voluntários também fornecem informações sobre os locais mais próximos de testagem para HIV, sífilis e hepatite B.

No Carnaval de Salvador de 2018, a Pipoca da Prevenção fez intervenções na Festa de Iemanjá (02/02), no Carnaval Social (07/02), no Carnaval na Barra (09/02) e na Mudança do Garcia (12/02). “Um dos objetivos da campanha é engajar jovens ativistas e voltar a levar as ações de prevenção para as ruas, divulgando para as pessoas que o preservativo está disponível e continua a ser o meio mais efetivo e acessível para prevenção de HIV e outras IST, assim como o acesso ao diagnóstico e a outras formas de prevenção como a PeP e a PreP” explica Javier Angonoa, consultor do UNAIDS na Bahia.

O nome da iniciativa faz alusão aos foliões da pipoca—termo popular em Salvador para descrever as pessoas que participam do carnaval de rua sem vínculo com um bloco específico—e também aos carrinhos de pipoca, comuns nas ruas da cidade, em festas públicas e em grandes eventos. A Pipoca da Prevenção conta com um carrinho de camisinhas, fazendo referência a um carrinho de pipoca, pensado e fabricado especialmente para as ações de prevenção.

As atividades da Pipoca da Prevenção foram iniciadas no Carnaval de 2017. Naquele mesmo ano, a iniciativa foi levada para as ruas em datas importantes, como o São João e a Semana Vermelha—semana de sensibilização sobre o Dia Mundial contra a AIDS (1/12)—, marcando presença também em locais de alta concentração de jovens, especialmente jovens LGBT, como as praias de Salvador.

A próxima saída da Pipoca da Prevenção será no Fórum Social Mundial, em Salvador, em março de 2018.