UNAIDS recebe contribuição financeira adicional da Austrália

O UNAIDS acolhe o anúncio feito pelo Governo da Austrália, que confirmou um adicional de 1,3 milhão de dólares australianos (US$ 977.000) para a resposta à AIDS. O financiamento adicional, anunciado na 42ª reunião da Junta de Coordenação do UNAIDS em 26 de junho de 2018, será usado para ampliar a prevenção do HIV no Camboja, na Indonésia, em Laos e em Papua Nova Guiné. Os fundos serão somados à contribuição anual de 4,5 milhões de dólares australianos (US$ 3,3 milhões) que a Austrália assegurou para o UNAIDS nos próximos cinco anos. 

“A Austrália é uma dos principais defensoras da resposta à AIDS na Ásia e no Pacífico”, afirmou Michel Sidibé, Diretor Executivo do UNAIDS. “Esta contribuição adicional é um sinal importante em um momento em que precisamos de mais energia e ação na prevenção ao HIV para garantir que todos, particularmente as pessoas em maior risco de infecção pelo HIV, possam se proteger do vírus.” 

Em 2016, estima-se que ocorreram cerca de 260 mil novas infecções por HIV na Ásia e no Pacífico, que 5,1 milhões de adultos e crianças viviam com HIV e que 170 mil pessoas morreram por causas relacionadas à AIDS. Pouco menos da metade (47%) de todas as pessoas vivendo com HIV na região Ásia-Pacífico tiveram acesso à terapia antirretroviral em 2016. 

O financiamento total do trabalho do Programa Conjunto é fundamental para acabar com a epidemia de AIDS e alcançar a visão compartilhada do UNAIDS de zero nova infecção por HIV, zero discriminação e zero morte relacionada à AIDS. 

Notícias Relacionadas