A Organização Mundial da Saúde (OMS) e o UNAIDS publicaram uma declaração conjunta que reforça dois princípios fundamentais para garantir uma abordagem baseada em direitos humanos e saúde pública para a testagem de HIV.

UNAIDS e parceiros concluíram as rodadas de reuniões no Vaticano com o objetivo de finalizar o roteiro para melhorar o acesso das crianças ao tratamento do HIV.